18 de junho de 2012

Run Camies Run

Não tem uma música que fala que o tempo escorre pelas mãos sei-que-lá que não há tempo que volte amor? Esqueci quem canta essa música e a letra, mas é assim que tenho me sentindo. Parece que estou no metrô sentada vendo as coisas passar. 

Fui pro RJ por causa de uma promoção amô da Gol, mas o RJ só fez chover, aquele bandido! Meu Deus, que lugar bonito, não me canso. Carol me hospedou em sua casa, fiquei em Botafogo, uma coisa do lado da outra (shopping, metrô, padaria) e sem contar aquela enseada linda demais. Só que o RJ chovendo é pior que São Paulo, porque não tem muito o que fazer. Aquele tempo nublado, não dava pra ver Cristo e nem Pão de Açúcar. TODOS TURISTA CHORA. Entrar no mar nem pensar. Mas foi bom, mesmo assim. Fui em uma festa, andei pra caramba, revi pessoas queridas e perdi meu RG. (Y) 

O voo de volta compensou toda aquela chuva. No domingo quando estava indo embora, imagina se o tempo não abriu? Fez um sol tímido, daí fiz algumas fotos. Essa foi a melhor de todas. Descer naquele Aeroporto de Santos Dumont é sempre uma emoção, parece que o avião vai bater com a barriga no mar. E daí quando você vai embora, vê essa lindeza. 


Quero muito pegar o famoso Rio 40ºC, quem sabe em Janeiro 2013 :)

Daí, fiz 26 anos. Na boa? Não tava bofando fé no meu aniversário. Sempre gostei de festa, de sair pra dançar. Acho que aniversário precisa ser comemorado, precisa ser cantado, bebido, celebrado. Minha comemoração de 23 anos foi mágica. Quando fiz 24 foi terrível, tive uma briga besta com a minha mãe e afffffffffffffff, chorei o dia todo e foi uma bela de uma bosta. Quando fiz 25 anos meu pai tava doente (os pulmões, novamente), ele nem ficou pra cantar os parabéns, eu lembro que estava sem dinheiro (desempregada) e minha mãe estava cheia de coisas pra pagar. Eu queria uma festa mas teve um bolo de padaria. Dai, o que esperar da comemoração dos 26 anos? Nada. E tava sem grana porque fui pro RJ e o pouco que sobrou, foi-se. 
Mas daí, quando a gente não espera nada, coisas boas acontecem. Encontrei a Keks e a Ira e a gente conversou e ficou tricotando bastante. 

Dondocando na padoca

No dia seguinte, pessoal do trabalho me deu parabéns e teve bolinho.

Cartão do pessoal do hotel ♥

A Dona Narciza disse que ia comprar um bolo pra não passar em branco, dai minhas amigas vieram aqui em casa e a gente comeu, riu e eu não poderia ter tido uma comemoração de 26 anos tão aconchegante. 

Foto da @bialombardi

Fiquei muito feliz mesmo, desde o preview na padoca, até os últimos minutos do dia 14.06! Sem contar nos presentes, de Nicholas Sparks até livros de Orixá hahaha! ♥ ♥ ♥ Só tenho a agradecer, sempre, sempre, sempre. Deus sabe que sou grata e meus amigos também. Para os 26 anos, vamos seguir os dizeres da caneca que a Érika me deu. É clichê mas tem funcionado.



4 comentários:

Ana Carô disse...

Que coisa boa ter comemoração de aniversário com gente querida. :)

Unknown disse...

Olha eu aqui de novo...


http://mrzieg.com/2012/06/audicoes-o-rei-leao-fim-da-primeira-etapa/


Abraços

Érika Gibaja disse...

Own <3

Eu adoro comemorar o aniversário de pessoas que gosto, fico feliz como se estivesse comemorando o meu... ;)

Lilian disse...

A música é "Tempos Modernos" do Lulu.
E a essa altura você já deve ter lembrando!
Revendo postagens antigas... rs
Blog favorito EVÁ! rsrs