13 de fevereiro de 2012

Bela Maldade, da Rebecca James

Semana passada, entre quarta e sábado, devorei esse livro que estava mega curiosa pra ler. A capa com as firulas holográficas meio é meio cafona, mas a sinopse me deixou curiosa. As informações que temos na capa/orelha do livro é que Katherine Patterson muda de cidade após uma ~~horrível tragédia que mudou a sua vida. Vai pra outra escola e procura não se envolver com as outras pessoas, por causa do seu misterioso passado. 
Mas, ela não contava com o charme&poder&sedução de uma garota popular chamada Alice, que insiste para serem amigas, daí as duas viram BFF. 
O livro tem uma narrativa mega interessante, são em três tempos. Algumas pessoas acham que se dividem entre passado - presente - futuro. Mas eu acho que seja o passado remoto, quando aconteceu a tragédia; passado quando conheceu a Alice e presente, como mostra a vida da Katherine atualmente. Falando assim parece ser mega confuso, mas não é.
A autora vai dando as informações à conta-gotas, então isso prende a leitura demais. Primeiro, você quer saber QUE RAIO QUE ACONTECEU NA VIDA DA KATHERINE PRA ELA SE CULPAR TANTO? Segundo, QUAL É DESSA LOUCA DA ALICE. Terceiro, COMO AS COISAS CHEGARAM A ESSE PONTO? Porque é tudo muito louco, o livro começa contando qual é a atual situação da Katherine e, daí, você quer saber como tudo aquilo aconteceu e além do passado negro dela. 
E ainda nem falei da Alice, a garota cheia de luminosidade e amor, um personagem muito forte, que consegue dobrar os outros com a sua personalidade. Existem algumas pessoas que conseguem exercer um poder de persuasão em cima das outras que chega a ser impressionante. Alice é dessas. Também é cheia de problemas que vão sendo revelados ao decorrer do livro. Quem nunca sofreu na mão de uma amiga que, na verdade, não é amiga coisa nenhuma? OLHA hahahaa.
Eu gostei bastante do livro, tava matando minha hora de almoço (engolindo a comida em 20 minutos) pra ler o livro. Eu matei uma das charadas (sobre o passado da Katherine), mas qual era a da Alice, eu fiquei surpresa hahaha. Me deu raiva, na verdade, por não ter percebido qual era a dela antes.
Algumas pessoas fizeram umas resenhas falando que achou marmelada a Katherine não perceber que a Alice era cilada, mas meu, essas coisas a gente realmente demora pra perceber que está acontecendo. Eu, pelo menos, não achei forçado. 
Se os amigos de SP quiserem emprestado o livro, estamos aí. O tenso que a capa holográfica foi embora conforme eu manuseei o livro, olha o que aconteceu:



Um comentário:

Priscila disse...

Acabei de comprar o livro... curiosidade matou o gato :\